Defesa de mestrado de Paulus de Wit

12/02/2019 13:28

Aconteceu em 11 de Fevereiro de 2019 a defesa de dissertação de mestrado de Paulus de Wit, entitulada “Transtorno de estresse pós-traumático: Modelo teórico e avaliação de intervenção em bombeiros militares de Santa Catarina”.

A banca foi formada pela prof. Carolina de Menezes, co-orientadora, mais o prof. Jamir Sardá Jr. e a profa. Natália M. Dias, presidida pelo orientador, o prof. Dr. Roberto Moraes Cruz. Prestigiaram o colega os alunos de pós-graduação do laboratório Fator Humano, a esposa e os filhos de Wit.

Visita à Brasília – Projetos de pesquisa relacionados à saúde e segurança

07/02/2019 12:39

O prof. Dr. Roberto Moraes Cruz e as pesquisadoras Paola Barros Delben e Daniela Ornellas Ariño estiveram em Brasília para visitas à Secretaria de Assuntos Estratégicos (SAE), recebidos pelo sr. Rodrigo Collor, e à Secretaria da Comissão Interministerial para Recursos do Mar (SECIRM), que coordena o Programa Antártico Brasileiro (PROANTAR) em Brasília, recebidos pelo Almirante Guida, cmdt. Conte, cmdt. Galdino, cmdt. Haynnee e representantes do Serviço de Seleção do Pessoal da Marinha (SSPM), para apresentação de projetos científicos realizados pelo Laboratório Fator Humano.

Nas fotos, o sr. Rodrigo Collor e o SG. Zucoloto acompanhados dos pesquisadores no Palácio do Planalto e na SECIRM.

IV Encontro do Grupo de Reabilitação em Saúde do Trabalhador de Santa Catarina

07/02/2019 12:15

Aconteceu em 05 de fevereiro de 2019, no auditório do CFH (UFSC) o IV Encontro do Grupo de Reabilitação em Saúde do Trabalhador de Santa Catarina, coordenado pelo Dr. Roberto Ruiz e apoiado pelo prof. Dr. Roberto Moraes Cruz, líder do laboratório Fator Humano. O encontro contou com a participação de 77 pessoas interessadas no tema de diversas áreas, medicina, psicologia, fisioterapia e outras.

 

INSCRIÇÕES ABERTAS – I Curso de verão em pesquisa polar com seres humanos: Antártica e Ártico

23/12/2018 12:51

O laboratório Fator Humano convida a todos para o I Curso de Verão em pesquisa polar com seres humanos: Antártica e Ártico, que será realizado entre os dias 18 e 22 de fevereiro de 2019, na Universidade Federal de Santa Catarina, campus Florianópolis. O curso é coordenado pelo prof. Hélder Lima Gusso e pelo prof. Roberto Moraes Cruz, apresentado pela equipe do grupo em pesquisas sobre o Fator Humano em ambientes Polares, liderado por Paola Barros Delben e formado por estudantes de psicologia e engenharia química, por pós-graduandos em Psicologia, em Engenharia de Produção, colaboradores da área do direito, fisiologia e educação-física, Antônio Brum, Aline de Freitas, Andrey Oliveira, André Luiz Gomes, Bruna Caetano, Daniela Ornellas Ariño, Eduarda Vieira, Gabriel de Melo Cardoso, Karen Ródio Trevisan, Marina Lopez Teixeira e William de Jesus.

A programação completa:

O curso oferece ainda certificado de 40 horas de participação.

As inscrições são gratuitas para estudantes e docentes com interesses em estudos sobre o tema de qualquer região do país e estão abertas até o dia 05 de Fevereiro. Vagas limitadas!

https://escoladeextensao.ufsc.br/#!detalhes-do-curso/64

Boas vindas e Boas Festas!

23/12/2018 12:33

O Laboratório Fator Humano, da Universidade Federal de Santa Catarina – UFSC – liderado pelo prof. Dr. Roberto Moraes Cruz, dá as boas vindas aos novos membros que ingressaram na seleção do Programa de Pós-Graduação em Psicologia (PPGP) da UFSC! No mestrado: Diego Remor Moreira Francisco e Raquel Vieira Costa de Carvalho. No doutorado: Paola Barros Delben e Paulus Arnoldus Johannes Maria De Wit.
Ainda os estudantes que serão co-orientados pelo prof. Cruz, Fabricio Antonio Raupp (doutorado) e Sarah Gisele Martins Klokner (mestrado).

Os membros do laboratório, estudantes, professores e colaboradores desejam boas festas de fim de ano e um excelente 2019!

Curso de estatística promovido pelo Laboratório Fator Humano

11/12/2018 11:10

De setembro a outubro de 2018, o Laboratório Fator Humano ofertou o Curso de Extensão: Introdução à Estatística aplicada à Pesquisas em Psicologia, que teve como objetivo a capacitação de estudantes para execução de pesquisas com abordagem quantitativa. O curso abordou temas como: conhecimentos básicos em estatística; criação de banco de dados e importação deste para os programas estatísticos SPSS e STATA; escolha de procedimentos estatísticos, métodos e padrões adequados para comunicação de resultados para a pesquisa em Psicologia; utilização dos softwares para atender às necessidades básicas de pesquisas de relação entre variáveis. O Curso foi organizado pela Doutoranda Daniela Ornellas Ariño, e os Mestrandos Pedro Augusto Crocce Carlotto e Karen Rayany Ródio Trevisan. E ministrado por estes mesmos discentes, em acréscimo da Doutoranda Rafaela L. Trevisan. Participaram do curso estudantes de graduação em Psicologia da UFSC e do CESUSC, pós-graduação em Psicologia e Matemática da UFSC,  e também Profissionais da Saúde.

V Congresso Brasileiro Psicologia

11/12/2018 11:08

No mês de novembro de 2018, a Mestra e Doutoranda Daniela Ornellas Ariño, esteve em São Paulo, participando do V Congresso Brasileiro Psicologia: Ciência e Profissão.


Na oportunidade apresentou três trabalhos, decorrentes de pesquisas realizadas pela mesma, e em parceria com demais pesquisadores, acerca das temáticas Saúde Mental de Universitários e Carga Mental de Docentes. Neste evento, também aproveitou para fortalecer sua formação, atuando como debatedora dos trabalhos na modalidade Pôster, e também participou como ouvinte no curso desenvolvido pela ABOP de Planejamento de Carreira de Adultos em Transição.

 

Pesquisa sobre Fatores Humanos na Antártica – 2018

09/12/2018 13:44

O projeto “Fatores Humanos em Ambientes Polares”, proposta aprovada pelo CNPq que iniciou como um projeto de Iniciação Científica e tornou-se trabalho de mestrado e agora de doutorado da psicóloga Paola Barros Delben, coordenadora em campo, sob orientação e coordenação geral do prof. Roberto Moraes Cruz, participou de mais uma expedição na Antártica, pelo Programa Antártico Brasileiro – PROANTAR – coletando dados que contribuem para estudos de redução de riscos de acidentes e adoecimentos no contexto.
A 37º Operantar foi a sexta viagem de Paola e a primeira da pesquisadora associada ao laboratório Fator Humano, Vanda Biavati. Na oportunidade embarcada no navio Ary Rongel, desde Rio Grande, passando por Punta Arenas e Baía do Almirantado, onde se localiza a Estação Antártica Comandante Ferraz – em reconstrução – foram mapeados riscos ergonômicos e propostas soluções de minimização dos impactos negativos relacionados à exposição ao ambiente ICE – Isolado, Confinado e Extremo. O projeto que se internacionalizou e conta com o apoio de Instituições da Polônia e Portugal, além das nacionais, Universidade Federal de Santa Catarina, Universidade Federal de Minas Gerais, Universidade Alto Vale do Rio do Peixe e da Marinha, representada pelo Serviço de Seleção de Pessoal – SSPM.
Durante quase um mês foram coletados dados importantes para o projeto pioneiro de pesquisa básica e aplicada e de relevância constatada também econômicamente, com contribuições interdisciplinares, formando um grupo de estudantes e pesquisadores da psicologia, administração, direito, química, engenharia mecânica e fisiologia.

Agradecimentos especiais ao cmdt. Delduque e Kristoschek por seus trabalhos em âmbito logístico, ao comandante do navio Ary Rongel, Antônio Braz e o imediato Vasques, ao coordenador embarcado da SECIRM – Secretaria Interministerial para Recursos do Mar, o cmdt. Galdino e seu assistente Zucolotto, a toda a tripulação do navio “Gigante Vermelho”, destacamento aéreo embarcado – DAE, mergulhadores e destacados do Arsenal, com especial respeito ao sr. Sérgio. Também à tripulação do navio Maximiano, destacados o cmdt. Heine e a cmdt. Haynnee, que receberam as pesquisadoras para apresentação do projeto expressando, aos chefes dos Grupos-Base cmdt. Marcelo e cmdt. Luíz Filho e a todos do grupo que se despediu após um ano de guarnição e ao que inicia uma missão no continente gelado, ao prof. Paulo Munhoz, representando a incrível equipe da ESANTAR-Rio Grande e à tripulação do 1º/1º esquadrão da FAB, ao sub-oficial Peixoto e ao contra-almirante Guida, idealizador e co-autor de um dos trabalhos desenvolvidos pelo projeto.